No exato momento em que ganhei um vidro de maple syrup da minha madrinha, pensei: PANQUECAS! Procurei a receita de panquecas canadenses legítimas, para viver uma experiência gastronômica genuína. Achei! Fui pra cozinha na maior pose, dizendo, de dois em dois segundos, que estava preparando PANQUECAS CANADENSES, para comer com MAPLE SYRUP CANADENSE, quando fui interrompida por uma risadinha irônica atrás de mim, seguida de um comentário:

(ler com o sotaque nordestino mais nordestino possível)

– Na minha terra o nome disso é BRUACA. Fui criada comendo isso aí.

Era a Patrícia, que trabalhava aqui em casa. Nascida e criada em Senador Catunda, sertão do Ceará, habituada a comer a mesma chiquérrima panqueca “canadense” desde a infância. EXATAMENTE a mesma receita. O que explica essa coincidência? Globalização? Transculturação? Reencarnação? Juro que não sei. Só sei que essa receita é muito fácil e rápida. Você pode decidir se vai comer com maple syrup canadense ou com mel de engenho cearense, rico em ferro e delicioso!

Ingredientes:

  1. Um copo de farinha de trigo
  2. Um copo de leite (pode ser de gado, de soja, de aveia, de arroz…)
  3. Meio copo de açucar (ajuste a gosto, se achar muito ou pouco)
  4. Uma colher de sobremesa de fermento químico
  5. Um ovo
  6. Uma colher de sopa de extrato de baunilha

Eu fiz assim:

  1. Bata todos os ingredientes no liquidificador por três minutos. O tempo é importante na receita, seja obediente!
  2. Aqueça uma frigideira. Coloque um pouco de azeite de oliva e espalhe bem.
  3. Coloque uma concha da massa no meio da frigideira. Levemente. Quando a borda começar a criar bolhinhas vire delicadamente.
  4. Rende 12 panquecas pequeninas e gorduchas.
Anúncios